Eventos

Aviso: Agradecemos pelo grande interesse em nossos eventos demonstrado por todos.

Teremos outras apresentações durante o ano.

Em breve abriremos as reservas dos ingressos para essas apresentações e avisaremos a todos por email.

Um dos costumes de Gurdjieff era organizar jantares para seus alunos e convidados. Mesmo em uma Paris ocupada pelos alemães durante a Segunda Guerra Mundial, com toque de recolher e todo tipo de perigos e dificuldades, ele conseguia alimentos, temperos e bebidas para os jantares.

Neles, além de coordenar todas as ações, Gurdjieff ia muitas vezes para a cozinha fazer pratos que só ele conhecia, fruto de suas inúmeras viagens na busca do Conhecimento.

Esse grande mestre espiritual tinha uma visão muito prática e bem-humorada da vida. Sabia que, em torno de uma mesa, mais do que em qualquer outro lugar, as pessoas podiam alimentar o corpo e a alma, compartilhando experiências e recebendo instruções espirituais.

Durante mais de vinte anos, a Escola Gurdjieff São Paulo mantém a tradição de realizar jantares especiais no fim de ano. E dessa tradição surgiram outros eventos de confraternização como seminários, peças teatrais, filmes e, mais recentemente, o resgate da figura do contador de histórias através de Lauro Raful que narra contos das Mil e Uma Noites e de outras tradições.